LOUVOR JOVEM
EUTE LOUVAREI
Emissão Online
 
2017-01-11 00:00:02
Cristo, a Palavra Viva
E o Verbo Se fez carne, e habitou entre ns, e vimos a Sua glria como a glria do unignito do Pai, cheio de graa e de verdade. Joo 1:14.

Jesus é chamado o Verbo de Deus. Aceitou a lei do Seu Pai, cumpriu os seus princípios na Sua vida, manifestou o seu espírito e revelou a sua virtude benéfica sobre o coração. Disse João: “E o Verbo Se fez carne, e habitou entre nós, e vimos a Sua glória, como a glória do unigénito do Pai, cheio de graça e de verdade.” João 1:14.

Tudo quanto o homem necessita de saber ou pode saber de Deus, foi revelado na vida e no carácter do Seu Filho. …

Revestindo-Se da humanidade, Cristo veio para ser um com ela e ao mesmo tempo para revelar o nosso Pai celestial a seres humanos pecaminosos. Em tudo Se fez semelhante aos Seus irmãos. Tornou-Se carne, assim como nós o somos. Tinha fome, sede e fadiga. Era sustentado pelo alimento e revigorado pelo sono. Partilhou da sorte dos homens, apesar de ser o irrepreensível Filho de Deus. …

Terno, bondoso, cheio de simpatia, mostrando sempre consideração pelos outros, representava o carácter de Deus, e estava constantemente empenhado no serviço para Deus e para o homem.

Os seguidores de Cristo precisam de comungar da Sua experiência. Devem assimilar a Palavra de Deus. Têm de ser transformados à Sua semelhança e, pela virtude de Cristo, reflectir os atributos divinos. … O espírito e a obra de Cristo têm de se tornar o espírito e a obra dos Seus discípulos.

No estudo da Bíblia, a alma convertida come a carne e bebe o sangue do Filho de Deus, que Ele próprio interpreta como o receber e o praticar as Suas palavras, que são espírito e vida. A Palavra faz-Se carne, e habita entre nós, naqueles que recebem os santos preceitos da Palavra de Deus. O Salvador do mundo deixou, a todos os homens, um exemplo puro e santo. Ele ilumina, eleva, e traz imortalidade a todos quantos obedecem às ordens divinas.

 

Por:
Partilhe:
newsletter
Copyright 2017 Rádio RCS